Fenac terá novo telhado em menos de quatro meses

Fenac terá novo telhado em menos de quatro meses

Compromisso firmado: a reestruturação dos telhados dos pavilhões 5 e 6 da Fenac estará concluída até o final de fevereiro. As obras que devem começar até o início de dezembro serão executadas pela Metalúrgica Rei Metal, de Portão, vencedora da licitação. Ontem à tarde, quatro dias após a homologação do resultado, a proprietária da empresa, Dirce Paese, acompanhada do representante comercial César André Fuhr, estiveram no centro de eventos hamburguense, onde se reuniram com o diretor-presidente da Fenac, Marcio Jung, e o diretor-executivo, Mauro de Paula, para a assinatura do contrato.

O investimento de R$ 1.688.429,64 para a reestruturação dos telhados será feito com recursos próprios da Fenac, gerados a partir de 2017. Jung comenta que há quase três anos o novo teto dos pavilhões 5 e 6 está na pauta da direção. "Tivemos o cuidado de trabalhar para ter dinheiro em caixa para fazer essas melhorias. Primeiro estruturamos a empresa, lançamos novas feiras e serviços. Trabalhamos em um processo de economicidade gerando resultados", fala, ao dizer que a reforma era imprescindível. "Não havia mais consertos para as infiltrações e goteiras."
Melhorias

Fuhr explica que a única estrutura dos atuais telhados que permanecerão são os arcos metálicos. "Todas as secundárias serão substituídas", fala, ao dizer que uma parte das novas estruturas e ferragens serão fabricadas em Portão e as telhas serão compradas. "O sistema novo que será colocado é bem atualizado e proporcionará um conforto térmico excelente porque a cobertura será sanduíche, ou seja, será composta por duas telhas e mais uma lã de vidro que vai entre elas, o que diminui consideravelmente a temperatura. Além disso tem uma melhoria considerável no isolamento acústico e o sistema de calhas será totalmente novo", conta, ao frisar a satisfação da empresa por ter vencido a licitação. "É uma obra de grande responsabilidade e visibilidade."


Texto e foto: Nicolle Frapiccini/Jornal NH

13 de Novembro de 2019

Outras notícias

Ver todas notícias